Galeria de Fotos #26 | Meus livros favoritos: As Vantagens de Ser Invisível (Stephen Chbosky)

Falar sobre o livro "As Vantagens de Ser Invisível" sempre me enche de alegria, afinal, é um dos meus livros preferidos. Ele ...


Falar sobre o livro "As Vantagens de Ser Invisível" sempre me enche de alegria, afinal, é um dos meus livros preferidos. Ele já foi Sugestão de Leitura aqui e, depois, falei um pouco sobre a adaptação para o cinema, neste post. Desde que comecei a fazer as galerias de fotos com meus livros favoritos, já sabia que ele voltaria a aparecer no blog e cá estamos.
Antes de falar mais sobre o livro, um pouco sobre a locação das fotos. Desta vez, elas foram tiradas no Parque do Ibirapuera aqui em São Paulo. Meu namorado e eu fomos até lá para ele fazer esta foto maravilhosa e aproveitamos para fotografar o livro. Encontramos estas florzinhas delicadas e achei que elas combinavam perfeitamente com o tom poético e melancólico do livro.



Encontramos estas florzinhas em uma parte escondida do parque, onde existem várias estufas e mudas de plantas. É um lugar muito silencioso e bonito, daqueles que nos desperta a vontade de ficar horas e horas contemplando a natureza. Por conta disso, não resisti ao impulso de fotografar outras flores lindas que estavam por lá.




“As Vantagens de Ser Invisível” foi escrito por Stephen Chbosky em 1999. O livro é narrado por Charlie, que conta suas experiências e dificuldades da juventude em cartas a um destinatário anônimo, e também fala sutilmente sobre temas mais profundos, como traumas de infância, internação psiquiátrica e crises de angústia. Já disse antes e repito: morro de chorar com este livro.




Se você ainda não leu este livro, está perdendo uma obra muito bem construída. As cartas de Charlie mostram logo de cara sua personalidade sensível e agradável e, aos poucos, no desenrolar da trama, as situações que ele descreve tornam-se mais profundas e sérias, levando o leitor a se colocar na pele de Charlie em suas dificuldades de lidar com a família, com os amigos e consigo mesmo. É um livro para reler sempre que possível e guardar a estória dentro do coração.

Posts Relacionados

Comente com o Facebook

1 comentários

  1. Esse foi um dos primeiros livros que eu li. O primeiro livro em pdf. Mas enfim, nem tenho como descrever meu sentimento acerca dele, é tudo tão simples e complexo ao mesmo tempo, tudo tão lindo e tão feio, tão calme e conflitante. Esse livro é uma mistura de emoções. E agora vendo este post, fico me perguntando o motivo que me levou a ler este livro na época... Seja qual for, AINDA BEM QUE EU LI!

    Suas fotos ficaram lindas <3

    Abraços,

    Blog Decidindo-se \o/

    ResponderExcluir