8 Séries Literárias que Estou Lendo no Momento

Sou fascinada por séries e sagas literárias desde criança. Comecei meu vício lendo "As Brumas de Avalon" e, depois, nunca mai...



Sou fascinada por séries e sagas literárias desde criança. Comecei meu vício lendo "As Brumas de Avalon" e, depois, nunca mais parei de procurar por séries longas de livros. Por isso, percebi estes dias que, atualmente, estou lendo 8 séries literárias e este post é sobre todas elas. Os livros que já li das séries estão assinalados pelo rostinho simpático fazendo um gracioso V de Vitória.

1 - Trilogia Merlin, de Mary Stewart


Esta trilogia conta a lenda do Rei Arthur através do ponto-de-vista de Merlin. Além disso, o primeiro volume da saga tem o objetivo de nos mostrar a infância de Merlin e como ele se tornou o maior mago da Era Medieval. Mary Stewart faz um trabalho que mistura História e Ficção. Falei sobre os dois primeiros livros da trilogia: Vol. 1: A Caverna de Cristal e Vol. 2: As Colinas Ocas.

2 - Série Firebird, de Claudia Gray


Nesta trilogia, Claudia Gray brinca com a noção de dimensões paralelas. Assim, a protagonista  da trilogia, Margarite Caine, viaja pelas dimensões com a ajuda de um aparelho desenvolvido pelos seus pais físicos - o Firebird - e, assim ela é capaz de conhecer as várias versões não só dela mesma, mas também de seus parentes, amigos e namorados. É uma saga que mistura ficção-científica com YA e é muitíssimo interessante. Você pode ler sobre o Vol. 1: Mil Pedaços de Você.

3 - Ciclo de Avalon, de Marion Zimmer Bradley


Muita gente não sabe que a série "As Brumas de Avalon", na verdade, é a parte final do Ciclo de Avalon. Este Ciclo é composto por 12 livros e conta a estória da criação da própria Ilha de Avalon, seu contexto político e histórico e, também, a influência das mulheres na construção da Bretanha. Por aqui, já falei sobre: Parte 1: A Queda de Atlântida e os posts sobre a Parte 2: Os Corvos de Avalon e a Parte 3: A Casa da Floresta já estão escritos e, em breve, aparecerão aqui no blog.

4 - Série Mapmakers, de S. E. Grove


A trilogia se passa em um mundo onde aconteceu a Grande Ruptura, isto é, o Tempo se fragmentou pelos continentes e, como consequência disso, cadaregião ficou em uma timeline diferente. Há lugares que estão na Idade Média, outros lugares estão na década de 30, outros estão ainda na Pré-História, e assim por diante. Neste contexto, Sophia Tims, filha de dois exploradores aventureiros, sai em uma expedição atrás de seus pais, que nunca mais voltaram para casa depois de uma aventura particularmente perigosa. Falei sobre o Vol. 1: O Mapa de Vidro.

5 - A Roda do Tempo, de Robert Jordan


Esta saga é para os fortes: são 14 livros no total, e todos eles tem, no mínimo, 700 páginas. A estória tem todos os elementos de uma excelente Alta Fantasia e acompanha a trajetória de três meninos que são os prometidos para salvar um mundo em ruínas: Rand al'Thor, Mat Cauthom e Perrin Aybara. Eles são ta'veren, ou seja, modificam o funcionamento da Roda do Tempo com suas decisões e atitudes. Este livro foi sugestão de leitura por aqui pois é um dos meus preferidos, portanto, recomendo ler este post para maiores detalhes.

6 - Oryx e Crake, de Margaret Atwood


Me apaixono instantaneamente quando uma mulher resolve quebrar as barreiras da dominância masculina e escrever ficção-científica. Atwood criou um mundo fantástico nesta série: ela extrapola como seria o nosso mundo caso os seres humanos resolvessem manipular não apenas as plantas, os alimentos e os animais, como também a genética do próprio ser humano. Assim, o leitor é introduzido a um cenário futurista, sem ano definido, mas com um background tecnológico intenso e uma grande apropriação da Biologia e da Natureza por parte do homem, que se estabelece como uma raça superior. O post sobre o Vol. 1: Oryx e Crake já está escrito e adianto que entrou para meu hall de livros favoritos. Logo logo ele parece aqui no blog.

7 - A Saga dos Corvos, de Maggie Stiefvater


Esta saga mistura fantasia com sobrenatural e tem um enredo diferente de tudo o que eu havia lido até então. A saga gira em torno de Blue, Gansey, Noah, Ronan e Adam e cada um deles tem um histórico familiar complicado, que é desenrolado com muita sensibilidade e profundidade ao longo dos livros. Além disso, todos eles, direta ou indiretamente, estão conectados a acontecimentos sobrenaturais, envolvendo forças desconhecidas, fantasmas e reis mortos. Recomendo muitíssimo a leitura desta série e falei mais sobre ela neste post.

8 - Crônicas de Duna, de Frank Herbert


Costumo dizer que esta saga mistura "O Senhor dos Anéis" com "Star Wars". É uma ficção-científica de altíssimo nível, escrita para os admiradores do gênero. Duna, na realidade, é todo o Universo criado por Frank Herbert que, posteriormente, foi continuado por Kevin J. Anderson e Brian Herbert (filho de Frank). Este Universo abarca um período de 17 mil anos, distribuídos em doze livros. A série original de Frank Herbert é composta por seis livros. Em um futuro distante, vários planetas disputam o poder da Galáxia. Cada planeta é considerado um feudo, governado por uma Casa Maior. Neste contexto, um dos planetas, Caladan, é governado pela família Atreides (o duque Leto e, seu filho, Paul). A família Atreides é obrigada pelo Imperador a mudar-se para Arrakis, um planeta completamente imerso no deserto, com um modo de vida extremamente difícil e particular, e os livros contam a estória da família. Falei sobre o Vol. 1: Duna.

Aqui tem sugestão de leitura para muito tempo, hein?! Aproveite e divirta-se!

Posts Relacionados

Comente com o Facebook

2 comentários

  1. Comecei a trilogia de Mapa de Vidro e ainda pretendo começar a série dos Corvos, a da Caverna de Cristal e de Mil Pedaços de Você. Avalon eu confesso que estou bem só com aqueles quatro hahahah E eu tenho mil trilogias e séries pra terminar ainda, tenho anotadinho. Eu tenho tentado só comprar continuações, mas é claro que eu sempre começo alguma série nova - às vezes sem querer.
    O Mapa de Vidro não tem continuação traduzida ainda, né? Espero que eles continuem a lançar aqui no Brasil. Tem uma trilogia que estou lendo que a Intrínseca lançou dois livros e não pretende lançar o terceiro, achei uma sacanagem tremenda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, isso acontece comigo também. Eu tento me focar na séries ongoing e, quando percebo, plim!, estou com uma outra série na mão e pronto, acumulo mais uma na lista. E acho que logo logo devem lançar a continuação do Mapmakers em PT, vamos aguardar!

      Excluir